E-mail


Senha

Lembrar senha

   
Informe o e-mail usado para fazer o login


   



Pesquisa




A metodologia ágil é ideal para sua empresa?
Enviar release
Este release no seu Blog ou Site

A metodologia ágil é ideal para sua empresa?



*Por Daniele Schmidt



Os métodos ágeis, ou Agile, apesar de serem conhecidos principalmente pela indústria de tecnologia de informação, também vêm invadindo equipes que não possuem foco em desenvolvimento tecnológico. Essas metodologias trazem consistência, colaboração e alinhamento. Outro ponto importante é que, além de gerar mais engajamento, quanto mais ágil for sua empresa, maior será o crescimento e o desenvolvimento. Dessa forma, fica mais fácil atender com excelência às demandas do mercado, que estão em constante transformação.



E como isso é possível? Chegamos ao meu objetivo aqui! Farei algumas considerações que te ajudarão a entender as principais metodologias e decidir se esse é o momento de aplicá-las na sua organização.



Posso implementar os métodos ágeis em qualquer tipo de equipe?

Sim. As equipes não técnicas também podem utilizar os métodos ágeis como um princípio de reorganização, alinhamento e execução de uma estratégia ou gestão de seus projetos. O resultado é benéfico para todas as áreas, pois a estratégia consiste em grupos multidisciplinares que vão do marketing, financeiro ou de vendas, até um programador, por exemplo.



Para criar essa cultura de modelos de gestão ágeis e foco em resultados, é preciso despertar o desejo. Para isso, você deve apresentar pequenos resultados aos poucos, por meio de projetos que incluam grupos menores. A boa notícia é que já existem estratégias que facilitam e agilizam a inovação da cultura, e, portanto, devem ser incorporadas no seu planejamento atual.



Quais são as metodologias ágeis mais indicadas?

Destaco duas que, ao longo de minha trajetória, tiveram papel fundamental para o sucesso da implementação e aceitação do Agile com meus times:

OKR (Objectives and Key Results/Objetivos e resultados-chave) - possibilita o desdobramento e alinhamento de metas e objetivos. Pode ser adotada por qualquer tipo de companhia, de diferentes tamanhos e segmentos, mas o ideal é planejar o que se deseja alcançar e, a partir disso, fazer um checklist dos resultados a serem atingidos. Sugiro acrescentar um pouco de familiaridade à estratégia, com acompanhamento por indicadores que sua equipe já esteja habituada. E lembre-se: é de extrema importância atualizá-los diariamente!
SCRUM - Por períodos que variam de uma a quatro semanas, a equipe participará de uma reunião simples, abordando as tarefas que estão em andamento. Com o auxílio do backlog (lista de tarefas projetadas pelo product owner do projeto), serão escolhidas e priorizadas tarefas que devem ser concluídas dentro de determinado período de tempo. Ao final, faça uma reunião de retrospectiva e levante pontos fortes e fracos de tudo o que foi construído.
Por que investir nessas metodologias?

Além de reduzir o desenvolvimento de projetos de meses para semanas, é perceptível o aumento significativo na qualidade, além da possibilidade de customização, previsão de custos, cumprimento do cronograma e maior autonomia de decisão entre os times.



Sobretudo, elas ajudam a remodelar o comportamento das pessoas e têm impacto direto no futuro organizacional. Ainda, dão uma visão ampla de cada colaborador em todas as etapas dos processos, o que possibilita acompanhar o desenvolvimento pessoal e profissional de cada um. O ponto de atenção é que, em alguns casos, a adoção de uma metodologia ágil falha. Alguma idéia do motivo?



Acredito que um dos possíveis fatores seja que a filosofia ou cultura da empresa não seja condizente com os valores e princípios do agile, ou talvez exista certa falta de comprometimento da equipe. Outra possibilidade são treinamentos fracos ou insuficientes para adaptação ao novo processo, bem como a falta de suporte para apoiar e sustentar todas as mudanças.



Para que isso não aconteça, é de extrema importância a prática da cultura de transparência. Com isso, todos os lados passam a entender a importância de cada tarefa e seu impacto no resultado final. Em paralelo, defina quais são as prioridades para o período, dê feedback sobre o que foi produzido e sobre quais tarefas ainda estão pendentes, bem como se certifique de que o time está alinhado. Outro fator essencial é ter ferramentas que possibilitem e facilitem a interação entre os colaboradores. Isso fará do ambiente de trabalho um local convidativo e motivador.



Isso quer dizer que, a partir dos métodos ágeis, uma maior produtividade não será mais um sacríficio! O controle de custos, a redução de riscos e a facilidade de mensuração de resultados terão impacto direto na qualidade no produto final e na satisfação do cliente. Sem contar que podem ser diferenciais estratégicos em qualquer negociação futura.



*Daniele Schmidt é gerente de Gestão de Pessoas na Zenvia, empresa brasileira líder em mensagens e chatbots.

Editorias: Ciência e Tecnologia  Educação  Negócios  Propaganda e Marketing  Recursos Humanos  
Tipo: Artigo  Data Publicação:
Fonte do release
Empresa: Karla Vitória  
Contato: Karla Vitória  
Telefone: --

Envie um e-mail para o(a) responsável pela notícia acima:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Digite o código mostrado abaixo

  
Skype:
MSN:
Twitter:
Facebook:
Tags
•  EDUCAÇÃO  •  CULTURA  •  SAÚDE  •  TECNOLOGIA  •  INTERNET  •  TI  

Mais tags
O que são tags ?

Copyright 2008 - DIFUNDIR - Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução deste conteúdo sem prévia autorização.