E-mail


Senha

Lembrar senha

   
Informe o e-mail usado para fazer o login


   



Pesquisa




Seguro viagem ganha ainda mais importância com a pandemia
Enviar release
Este release no seu Blog ou Site

Aos poucos o turismo vai retomando suas forças. E neste “novo normal”, devido a pandemia de Covid-19,o seguro viagem passa a ser um item essencial e, na maioria dos casos, obrigatório. Com um preço médio de R$3,00 a R$5,00 para viagens nacionais, e de R$13 a R$14 para passeios internacionais, é ele que garantirá ao viajante o amparo necessário em qualquer situação de emergência, oferecendo assistência em caso de eventualidades.

“Muitas pessoas o encaram como um “gasto a mais” e acabam optando por viajar sem ele. Mas já pensou que uma pessoa pode estar do outro lado do mundo, sem falar a sua língua materna, e um imprevisto acontecer? Dentro do valor das coberturas, o segurado estará coberto de diversas situações como consultas médicas hospitalares, assistência jurídica, extravio de bagagem e até cancelamento de voos”, explica Paulo Zamboni, CEO da Seguros Promo.

Para proporcionar mais conforto e tranquilidade aos viajantes, a Seguros Promo firmou parcerias com algumas operadoras de seguro viagem que oferecem cobertura em caso de Covid-19.

“A cobertura de gastos médicos por conta de epidemias e pandemias costuma ser excluída de apólices de seguro viagem por ser um evento imprevisível e de alto risco. Porém, na pandemia de Covid-19, algumas seguradoras flexibilizaram o contrato e passaram a incluir a cobertura para o novo coronavírus em seus produtos, como é o caso da GTA, Intermac, Travel Ace e Affinity”, explica Zamboni.

Os preços das coberturas de Covid-19 estão sujeitos ao destino de viagem e varia de operadora para operadora.



Como cotar o melhor plano

O CEO da Seguros Promo conta que na hora de escolher o seguro viagem é preciso avaliar todos os cenários. “O destino, a duração da viagem, o roteiro e a idade dos viajantes são alguns fatores que influenciam nessa decisão. Se, por exemplo, você estiver viajando durante uma gestação ou for praticar esportes, é preciso contratar um plano de seguro viagem que apresente coberturas específicas”, alerta.



Obrigatoriedade do seguro viagem

Hoje, com o Tratado de Schengen, que conta com mais de 30 países europeus, os turistas que pretendem visitar países signatários devem, obrigatoriamente, apresentar o seguro viagem no momento de desembarque. O seguro deve cobrir os custos médicos e hospitalares em um valor mínimo de 30 mil euros. “Um dos principais objetivos dessa obrigatoriedade é garantir que o viajante terá a condição de arcar com eventuais custos médicos durante a sua viagem”, enfatiza.

Zamboni alerta que na viagem é sempre bom deixar junto ao passaporte e aos demais documentos a apólice do seguro, que constará o nome do viajante e telefone de contato do país no qual se encontra. Além do mais, o seguro é válido em todo o momento da viagem, desde a sua entrada no país até o retorno ao Brasil.

Outra dica valiosa é contratar o apólice com vencimento para um dia após a data da viagem de volta. “Caso aconteça algum imprevisto com o voo, o viajante ainda poderá acionar sua operadora e assim ter o apoio que necessita”, pontua.


Saiba mais em http://www.segurospromo.com.br/?utm_medium=afiliado&pcrid=2622&utm_source=site-blog&pcrtt=acs_interface.

Editorias: Seguro e Previdência  Turismo  
Tipo: Pauta  Data Publicação:
Fonte do release
Empresa: LARA COMUNICAÇÃO  
Contato: INTERFACE COMUNICAÇÃO  
Telefone: 31-32117500-

Envie um e-mail para o(a) responsável pela notícia acima:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Digite o código mostrado abaixo

  
Skype:
MSN:
Twitter:
Facebook:
Eventos
Copyright 2008 - DIFUNDIR - Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução deste conteúdo sem prévia autorização.