E-mail


Senha

Lembrar senha

   
Informe o e-mail usado para fazer o login


   



Pesquisa




Caixa-forte: empresa de aluguel de caixas de segurança privada constrói seu escritório com aço balístico da SSAB
Enviar release
Este release no seu Blog ou Site

Só este ano, roubos a residências aumentaram em 70% no Rio de Janeiro, segundo dados do Instituto de Segurança Pública. Em São Paulo, a situação também não é muito diferente: em 2016, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública, a capital teve um lar roubado por hora e, no ano passado, 1 a cada 4 pessoas foram roubadas ou furtadas. Nesse contexto, guardar objetos de valor dentro de casa hoje em dia representa um risco, seja pela insegurança ou por enchentes e eventuais incêndios. Uma solução para este problema seria o aluguel de cofre – oferecido pelos bancos, que descontinuaram o serviço aos poucos nos últimos 18 anos.

A Sekuro, única empresa brasileira de cofres privados de aluguel, nasceu com o objetivo de preencher as lacunas referentes a este problema, oferecendo confidencialidade, privacidade e segurança aos clientes que desejam guardar objetos de valor financeiro e sentimental contra riscos de roubo, furto, incêndio, explosão e alagamentos. Inaugurou suas atividades no mês de junho em São Paulo e para construir sua operação utilizou as mais modernas soluções de segurança para o local, incluindo os painéis de aço de alta resistência Ramor 500 da SSAB, multinacional sueca líder mundial na fabricação de aços de alta resistência. Situada em uma região empresarial da cidade, a Sekuro está localizada no 5º andar de um prédio na Berrini (SP).

O local é uma espécie de “bunker nas alturas”, um labirinto formado por paredes de concreto armado e painéis blindados, que são chapas Ramor 500 da SSAB, além de rigoroso controle de acesso baseado em tecnologia japonesa, barreiras físicas, tecnológicas e monitoramento 24h.

A Sekuro conta com apólice de seguro Lloyd´s of London, maior companhia resseguradora do mundo, no valor de R$ 224 milhões com cobertura All Risks. São R$ 500.000,00 de seguro por caixa.

Andrés Aracama, Diretor Geral da Sekuro, afirma que o aço da SSAB atendeu às expectativas do projeto arquitetônico da unidade. “Somos a primeira empresa no mundo a utilizar esse tipo de tecnologia”, afirma, ressaltando os benefícios no negócio e na segurança do local. “A siderúrgica tem o melhor produto do mercado e o preço é competitivo”, afirma. “Queremos ter os aços da SSAB em todas as nossas futuras instalações”, salienta Daniel Aveiro, Diretor de Operações da Sekuro.

“O aço Ramor da SSAB já está bem difundido em aplicações de blindagem veicular e arquitetônica, mas é a primeira vez que trabalhamos com uma aplicação como a da Sekuro”, diz Lisandro Peliciolli, Gerente Geral de Vendas da América do Sul Atlântico. “Por eles possuírem uma necessidade bem específica na qual a qualidade das matérias primas é de fundamental importância, a SSAB acabou se tornando um parceiro fundamental para suprir a necessidade do cliente”, pondera.

De acordo com Peliciolli, para a Sekuro, era importante ter um material com garantias balísticas, que pudesse ser trabalhado sem maiores dificuldades e que propiciasse uma solução com o menor peso. “Como a operação está situada em um prédio, era muito importante que a solução tivesse o menor peso possível sem comprometer sua garantia balística e de arrombamento. O Ramor se encaixa nesta requisição, pois, devido a sua elevada dureza, permite a utilização de chapas mais finas quando comparadas aos aços mais comuns encontrados no mercado”.

Uma das grandes vantagens da utilização dos aços da SSAB é a certificação balística que garante que o produto vai resistir à determinada munição e/ou ameaça. “Para cada munição temos uma recomendação de aço certificado a ser utilizado. Os aços possuem também elevada qualidade superficial, facilitando seu processamento, utilização e acabamento”, salienta Lisandro da SSAB.

Foram quatro anos de desenvolvimento do projeto, entre pesquisas sobre o negócio, estudos do mercado e viagem para o exterior para conhecer as diferentes experiências desse tipo de operação. Na Argentina, acompanharam a implantação de uma empresa fora da área de bancos – empresas privadas também despontam na área oferecendo esse tipo de serviço por lá. “A cidade de Buenos Aires tem 400 mil caixas de segurança para 3,5 milhões de habitantes. Já em São Paulo, são 12 milhões de habitantes para zero caixas. Vale ressaltar que esse serviço funciona em mais de 100 países, como Uruguai e México – este último, considerado por eles o mercado que mais se aproxima do negócio da Sekuro por conta da violência. “Temos dados de que a segunda maior preocupação do brasileiro é a segurança. Somos um novo player do mercado e queremos criar credibilidade e oferecer um serviço que muitos precisam”, pondera o diretor de operações.

O aumento da insegurança no país tem alavancado a utilização de produtos de segurança como, por exemplo, carros, portas e guaritas blindadas, que na maior parte das aplicações podem utilizar o aço Ramor. “O mercado de segurança tem crescido bastante para a SSAB. Cada vez mais os clientes buscam opções de aços que assegurem a resistência balística para seus produtos, sejam eles carros, guaritas, quarto do pânico, etc.”, afirma Lisandro Peliciolli.

O projeto contou com aportes financeiros de investidores estrangeiros para desenvolver o máximo de segurança, com premissas internacionais, sem procedente no Brasil. O plano de expansão prevê investimento de R$ 200 milhões nos próximos cinco anos e chegará a cidades como Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Brasília e Salvador, e levar aos brasileiros a solução para guardar e proteger seus pertences de valor financeiro ou sentimental. A unidade conta com 448 gavetas, tanto para pessoa física quanto jurídica. São oferecidas três opções de tamanhos de caixas, com valores a partir de R$ 360 por mês.

Editorias: Construção e Arquitetura  Industria  
Tipo: Pauta  Data Publicação:
Fonte do release
Empresa: Communica Brasil  
Contato: Communica Brasil  
Telefone: 11-3868-0300-

Envie um e-mail para o(a) responsável pela notícia acima:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Digite o código mostrado abaixo

  
Skype:
MSN:
Twitter:
Facebook:
Tags
•  EDUCAÇÃO  •  CULTURA  •  SAÚDE  •  TECNOLOGIA  •  INTERNET  •  TI  

Mais tags
O que são tags ?

Copyright 2008 - DIFUNDIR - Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução deste conteúdo sem prévia autorização.